Bondinho do Pão de Açúcar

Bem vindo ao Pão de Açúcar, ou mais especificamente ao Bondinho do Pão de Açúcar! Aqui você vai descobrir um pouco mais sobre esse passeio tão especial e essencial na cidade Maravilhosa.

Nesse guia vamos dar uma apanhado geral sobre como poder aproveitar ao máximo esse lugar tão incrível. Veja abaixo os tópicos explorados ao longo do artigo.

  • O Pão de Açúcar
  • Onde pegar o bondinho do Pão de Açúcar
  • A história do bondinho
  • Como chegar no Pão de Açúcar
  • Nova vida para o centro histórico do Rio
  • A primeira parada: o Morro da Urca
  • A segunda parada: o Pão de Açúcar

A Região do Pão de Açúcar

Toda a região do Pão de Açúcar é um verdadeiro símbolo da cidade do Rio de Janeiro. Estando muito bem localizado na Zona Sul do Rio, o lugar permite que todos os visitantes se deliciem tirando um montão de fotos daquele absurdo de visual.

Do fundo pode-se ver a praia de Copacabana, ou então a Marina da Glória e a praia de Botafogo. É possível ainda avistar um pouco da Baía de Guanabara, que tem ao fundo a lindinha Niterói.

 

Onde pegar o bondinho do Pão de Açúcar

A estação inicial do Bondinho do Pão de Açúcar fica na Avenida Pasteur 520, na Praia Vermelha.

A história do bondinho

Na época dos bondinhos, entre as muitas décadas passadas e pessoas acostumadas com o transporte a bondes, surgiu uma vontade.Um grupo de visionrários não mediram esforços, para tornar real sonho do engenheiro Augusto Ferreira Ramos. Ele tinha a ambição de construir um trajeto “aéreo” que iria ligar a Praia Vermelha, ao Morro da Urca e Pão de Açúcar, através de um teleférico.

Os carrinhos que se tornariam os bondinhos, tendo na época espaço para 22 pessoas, foram todos importados da Alemanha. O interessante é que na época da inauguração, em Dezembro de 1912 , o teleférico só subia da Praia Vermelha até morro da Urca. Alguns rápidos três meses depois (tipo de rapidez improvável nos dias de hoje no Brasil rs), já em Janeiro de 1913, ele passou a ir até alto do Pão de Açúcar. O projeto acabou se tornando na época, o primeiro teleférico instalado no país e o terceiro do planeta.

Obs: Existe até hoje, uma réplica original dos modelos antigos do bondinho, logo na parada do Morro da Urca.


Como chegar no Pão de Açúcar

Viajante, antes de sair para esse passeio , você vai precisar se programar um pouco! Fique esperto, pois existem duas formas de subir para o topo do Pão de Açúcar. A primeira delas é pelo modo mais conhecido, atividade certa no destino de qualquer visitante da cidade maravilhosa. A segunda é o jeito mais “raíz” de se chegar ao mesmo destino, percorrendo parte do caminho por trilhas. Vamos as opções:

SUBIR DE BONDINHO O PÃO DE AÇÚCAR

Com a primeira maneira, você irá embarcar no bondinho bem no bairro da Urca, na região da Praia Vermelha. Ele irá te  levar, primeiramente, ao topo do morro da Urca. Vai aproveitando a vista, não dê mole! Logo em seguida, depois de infinitas fotos e momentos “uau”, você irá trocar de bondinho e pegar um segundo até o topo do Pão de Açúcar.

Lembrando que você pode adquirir seus ingressos dos dois trajetos direto na praia Vermelha antes de pegar o primeiro bondinho. Senão,vai ter então que comprar o ingresso online, evitando assim ter que encarar a fila..

Valores dos Ingressos:

Adultos – R$ 85,00

Crianças até 05 anos – GRÁTIS

Crianças de 06 à 12 anos – R$ 42,00

Jovens de 13 à 21 anos – R$ 42,00

Estudantes – R$ 42,00

Idosos acima de 60 anos – R$ 42,00

PCD – R$ 42,00

Acompanhante PCD – R$ 42,00

Fonte : Site Oficial do Bondinho

FAZER A TRILHA DO MORRO DA URCA

Vamos ao segundo modo, o “raiz”. É isso caras aventureiras e aventureiros! Mas não se anime tanto, a adrenalina pra subir o morro da Urca é quase zero. Mas de qualquer jeito vale a pena, é bem maneiro também!

Se você preferir a trilha, fique sabendo que ela só te levará ao topo do morro da Urca. Se quiser continuar para conhecer o Pão de Açúcar, terá que comprar um ingresso e pegar o bondinho que liga os dois morros.

A trilha fica no canto esquerdo da praia Vermelha e é uma trilha leve apesar de o percurso ser íngreme, pode ser percorrida em 40 minutos.

O visual é também um dos principais cartões postais da cidade do Rio de Janeiro, sendo também o estilo mais autêntico de conhecer o local. Basta subir pela trilha do Morro da Urca e dali pegar o mundialmente conhecido bondinho do Pão de Açúcar.

Fazer algum dos Tours guiados

Mas vamos lá, se você ainda assim prefere não ir desacompanhado, também existem possibilidades para você!

Caso queira uma visita completa e descobrir todas as curiosidades do bondinho do Pão de Açúcar, você tem as seguintes opções de tours:

O Tour Histórico (que faz o circuito normal do Pão de Açúcar com um guia) e o Tour Casa das Máquinas (que inclui uma visita acompanhada às estruturas e áreas técnicas do bondinho).

O Tour Histórico é feito em quatro horários (9h, 13h30, 15h30 e 17h30). O Tour Casa das Máquinas, em apenas um horário (10h30).

Valores do Tour Histórico:

De 13 a 59 anos: R$ 160

Maiores de 60 anos ou estudantes (meia): R$ 80

Crianças até 5 anos: Grátis

 

Valores do Tour Casa das Máquinas:

De 13 a 59 anos: R$ 200

Maiores de 60 anos ou estudantes (meia): R$ 100

Crianças até 5 anos: Grátis

As duas paradas

A visita hoje ao bondinho do Pão de Açúcar, como já visto ao longo do texto, se dá por dois pit-stops. Ambos os cenários são de tirar o fôlego e juntos, foram um conjunto da obra digno de completar com chave de ouro o dia de qualquer um. Vamos agora as paradas!

A primeira parada: o Morro da Urca

A primeira parada , ou seja, o primeiro Bondinho nos deixa no Morro da Urca. Dali é possível ver a um monte dos mais belos visuais da cidade: desde a Praia Vermelha, Cristo e Baía de Guanabara, até a Enseada de Botafogo, Pedra da Gávea e o próprio Pão de Açúcar.

Se vale uma dica, tente ir para lá pra pegar o por do sol, mais ou menos na faixa das 16/18h. O cenário é um verdadeiro absurdo, sendo certamente uma das cenas mais lindas que você vai ver na vida. A nível pessoal, eu tive a experiência de ver vários lugares legais no mundo, mas seguramete o que se encontra tanto ali no Morro da Urca, como depois no Pão de Açúcar, está meio que no meu TOP 3.

A segunda parada: o Pão de Açúcar

Após a chegada ao ponto mais alto, você tem a obrigação de apreciar a magnífica vista de um dos cartões postais mais bonitos da cidade. Use o espaço para expelir qualquer energia ruim e se contagie com a perfeição, com o nirvana que o espaço te traz. Dê aquela merecida relaxada e aproveite a sua incrível tarde.

Com todo o conforto e a segurança do teleférico (ou no popular, bondinho suspenso por cabos),  vocês teram a sua frente uma das mais belas vistas da cidade. Junto com o Cristo, esse é um passeio imperdível do Rio de Janeiro. Caso esteja no Rio e nunca tenha ido lá antes não perca essa oportunidade. Não conhecer o Pão de Açúcar é tipo ir pra Paris ou Roma e não ver nem a Torre Eiffel ou o Coliseu. Abra o olho! 🙂

 

CLIQUE AQUI PARA VER O GUIA DEFINITIVO DAS 49 ATIVIDADES QUE VOCÊ TEM QUE FAZER NO RIO DE JANEIRO!